quarta-feira, 8 de outubro de 2014

Sublime Amor

Os maus me dizem
Que o amor é ruim
Ora essa, que maldade!
Como pode ser assim?

O amor é tão sublime
Quanto o riso da criança
O belo canto dos pássaros
Que traz ao dia esperança

O amor é tão sublime
Quanto o sol que banha o dia
Esquentando minha alma
Me levando à fantasia

O amor é tão sublime
Quanto o sal que sai da terra
Alimentando a vida de um povo
Que quer viver ao pé da serra

Nenhum comentário:

Postar um comentário