sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

Ando tão sem graça no meio da praça,
tanto que nem eu me noto mais.

Preciso de vida, preciso ser MAIS viva
mais colorida.

Me ajuda aí João, diz como é que se faz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário